domingo, 5 de abril de 2015

(2015/388) Fragmentos facebookianos


I.

O amor é a maior de todas as heresias.

https://www.facebook.com/osvaldo.l.ribeiro/posts/813985752015330


II.

Estou até agora com a expressão de Iná Camargo Costa na cabeça: "estamos a milímetros de afundar no lodo teórico"... Eu tenho sentido isso há uma década. Lodo teórico, lama teórica, areia movediça por toda parte... Querem me fazer crer, de todos os lados, em todas as áreas, e até amigos meus, que a realidade está dissolvida em plasma, linguagem, discurso, nada... Há dez anos venho dizendo não!, não!, não!

Poucos autores têm me encantado: e a condição fundamental para isso é estarem vacinados totalmente contra esta ideologia. Têm de ser materialistas, empiristas, críticos. E são raros.


Morin e Losurdo estão vacinados.

Sinto-me protegido desse lodo ao lado deles.

https://www.facebook.com/osvaldo.l.ribeiro/posts/813679998712572


III.

(Um)A (das) palavra(s) mais importante(s) do século XIX é também aquela que mais se procura desqualificar, destruir, esquecer: alienação.

https://www.facebook.com/osvaldo.l.ribeiro/posts/813998572014048


IV.

Ele realmente acha que o religioso típico (ele, não, que ele não é mais um religioso típico, só instrumentaliza a religião como remédio para a dor do povo...) não é alguém alienado. Como você espera que ele entenda que essa massa "verde e amarela contra a corrupção" não seja expressão cidadã de indignação consciente, mas de cinco décadas de manipulação da mídia?

https://www.facebook.com/osvaldo.l.ribeiro/posts/814134655333773


V.

Desconfio - e muito - de todos e de qualquer um que ataque ou desconstrua o Iluminismo. Corrigi-lo, mas na direção de seu impulso, é uma coisa. Atacá-lo, para destruir seus avanços e ganhos, bem, reservo-me o direito de desconfiar dos compromissos realmente libertários desse cidadão...

https://www.facebook.com/osvaldo.l.ribeiro/posts/814158481998057


VI.

Na pergunta "qual a melhor pedagogia?" falta a parte fundamental: dizer para que fim...
https://www.facebook.com/osvaldo.l.ribeiro/posts/814149481998957


VI.

Receita para conciliar dois discursos religiosos diferentes: finge que um não diz o que diz, finge que o outro não diz o que diz, e faz os dois dizerem o que o conciliador quer que os dois digam.

https://www.facebook.com/osvaldo.l.ribeiro/posts/814198875327351


VII.

Curso de Ética.

Aula 1.

Ou todas as religiões são verdadeiras ou todas as religiões são falsas.

Professor, elas podem ser verdadeiras-e-falsas ao mesmo tempo?

Essa gosma pós-moderna?

É.

Podem, desde que todas ao mesmo tempo, todas igualmente, e você não me venha com embromação malandra de que umas são mais verdadeiras-e-falsas do que outras, que eu sei bem como funciona seu raciocínio...











OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget