sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

(2015/084) Deus, ordem e hipocrisia

Meu amigo, temeroso da minha fama, diz ele, pede-me que possa me dizer alguma coisa, sem que eu revide...

Eu sorrio o riso da condescendência, lembrando-me de que minha vó morta, quando viva era, dizia que de onde não se espera nada, daí é que não vem nada mesmo...

Fale, meu amigo, fale...

Osvaldo, devias ter cuidado em pôr em suspenso a ideia de Deus: ela sustenta a ordem, Osvaldo.

Meu amigo, disse-lhe desfazendo o sorriso condescendente e abrindo um de rasgada ironia: deixe a hipocrisia para os profissionais...








OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget