sexta-feira, 4 de outubro de 2013

(2013/1138) Como assim, se eu aprovo sexo entre gays?


Se eu aprovo sexo entre gays?

Que raio de pergunta é essa? Que tolice é essa? Que cabeça oca produziu esse som estranho?

Estou preocupado se você e sua mulher fazem sexo? Se estou preocupado se você apalma as mamas de sua mulher? Se estou preocupado se você a beija? Se estou preocupado se você faz sexo oral? Se recebe sexo oral? Se estou preocupado se vocês fazem sexo anal?

Não. Não estou. Não tenho a mínima preocupação quanto ao que você e sua senhora fazem juntos - não é da minha conta.

Nem o que fazem os gays, entre quatro paredes.

Interessa-me apenas seus direitos civis.

E os seus.

E, naturalmente, seus deveres.

Entre eles, ser cidadão e respeitar os demais cidadãos.

O resto é moralismo religioso potencialmente assassino.







OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget