quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

(2015/129) Dou-lhe um tapa...

Tentei a prova para docência de religiões orientais na UFJF há alguns meses. Não passei. Mas tive de ler milhões de textos. Li muita coisa sobre budismo zen - dentre todas as tradições budistas, a que mais me agrada. Hoje, aqui na Faculdade Unida, ouvimos o Abade Daiju, do Mosteiro Zen Budista Morro da Vargem, que falou sobre as tradições zen budistas. Era fechar os olhos e ouvir alguém lendo os textos que li.

O momento que mais gostei. Um caso do mosteiro. Um monge resolveu de pôr as panelas sujas no rio para os peixinhos, em harmonia com o todo, limparem, comendo os restinhos... O Abade lhe disse: Dou-lhe um tapa. Seja homem. Vá lavar essa panela.

Aí há todo o resumo da coisa, desdobramento do que é todo o resto é.




Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget