segunda-feira, 23 de junho de 2014

(2014/662) O corpo também grita...


É preciso dar ouvido ao corpo. Não digo entregar a direção da vida a ele, que vai dar em coisa errada, não tenha dúvida. Falo em ouvir o que ele pede, diz, do que ele reclama. O corpo é amigo. Na maioria das vezes, ele indica, antes de nossa consciência, que o que estamos vivendo não faz bem. Ele quer recusar, não quer fazer, mas a gente faz. Nessas horas, é importante parar e perguntar quem está certo: o corpo, que não quer, ou a mente, que quer. 

Não se enganem, não é fácil.

Às vezes, o corpo quer e a mente não. Às vezes, é o contrário. Outras, mente e corpo querem. Outras, nenhum dos dois...

Em quais dessas ocasiões o correto é fazer? Às vezes nenhum dos dois quer, mas você tem de fazer. Outras, os dois querem, mas não é o que se deve fazer...

Viver é tomar essas decisões...









OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget