segunda-feira, 14 de abril de 2014

(2014/179) "Deus sustenta a moral"


É absolutamente falsa, é diversionismo, a afirmação de que a moral baseia-se em Deus. Em potencial falacioso, essa declaração teológico-doutrinária só perde para aquela outra, ainda mais ridícula - o monoteísmo é ético-profético, bem como a sua parente: o monoteísmo é lógico...

A moral sequer aplicada aos deuses era, antes dos persas...

Agora, verdade seja dita: depois que a moral foi político-retoricamente vinculada aos deuses, os controladores dos deuses adquiriram o poder de controlar não apenas os corpos, mas as consciências - mesmo ali, onde, vaidosamente, se julga estar acima das injunções mitológicas da fé popular e, do alto da presunção elitista, se escrevem tratados de filosofia, teologia e ensino moral...






OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget