terça-feira, 29 de abril de 2014

(2014/373) Ainda sobre a cruz


Aceito a provocação.

Sim, a cruz pode ter sido tortura e altar de morte nos contextos político e religioso - mas, no contexto da recepção paulina, ou de quem inventou a alegoria da cruz antes dele, o que era pervertido e mal converteu-se em beleza e salvação, como quem transforma limão em limonada, ácido em limpador de pias...

Duvido, mas que seja: se foi assim, durou meia hora, porque, depois, a limonada azedou e o ácido, jogou-se nas carnes do mundo, porque ela acabou se transformando na mesma coisa que era nos contextos político e religioso, porque foi fincada na catedral das catedrais político-religiosa.








OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget