domingo, 29 de março de 2015

(2015/340) Tributo? Traição?

Qual o nome que se deve dar ao ato, fato e fenômeno de tomar a memória de alguém como se sua fosse, como se constituísse essa coisa-memória um punhado de bom barro do chão retirado, com o qual você molda a fala dessa memória, os gestos dessa memória, a ideologia dessa memória, seus passos, seus olhares, sua sina mesmo...?

Tributo?

Traição?


Te(n)são?

Torpeza?

Não sei o nome ainda. Só sei que é assim da primeira à última página de cada livro sagrado que abrimos...










OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget