terça-feira, 22 de abril de 2014

(2014/295) Sobre Igreja, Jesus, Paulo e a homilética da condenação


Quando a Igreja condena, ela honra Paulo, mas acho que desonra Jesus.

Paulo, sim, ensinou a condenação - todos estão condenados, ele gostava de dizer, e disso fez seu ministério.

Mas em Jesus se pode ler "Pai, perdoa-os" e "eu não te condeno".

Quem vocês acham que a Igreja escolheu e repete?

(...)


Há 500 explicações e justificações para que a Igreja tenha substituído a compaixão radical pelo julgamento radical...

Os políticos também têm explicações para tudo que lhes perguntamos.

Permanece o fato de que o que deveriam ser centros de misericórdia absoluta se transformaram em centros de juízo mesquinho.








OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget