segunda-feira, 16 de dezembro de 2013

(2013/1447) Porque não amo o suficiente


Alguns acham que não me tornei pastor porque descri. Que descri, descri, é fato: crer é aderir a doutrinas e, uma vez que sei que todas as doutrinas são mito, não vou dedicar minha vida a elas. Se isso é descrer, então, descri.

Mas não foi o fato de passar a considerar todas as doutrinas mito que me fez abandonar a possibilidade de carreira pastoral: foi o fato de não gostar suficientemente de gente.

Sei que não é preciso isso para ser pastor - não se precisa amar quem se vai manipular. Mas meu grau de exigência é um pouco maior do que o do mercado e, nos meus termos, não amo o suficiente para estar à frente de um rebanho.









OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget