domingo, 11 de março de 2012

(2012/275) Instinto de escrever - magia de viver pra sempre


1. As palavras são desejos de ser notado. São manifestações da vontade de ser amado. São, enfim, o instinto de vida. Quando escritas, então: desejo de vida eterna.

2. O pensamento vem, não é nosso, passa por nós, vindo dos grotões do subsolo orgânico. A palavra, não: é trabalho, é escultura, é gesto, é ação: e o que ela faz é arranhar a face de quem passa, como a dizer, e dizendo, ei, olha-me, estou aqui.

3. A poesia, é, pois, e também a prosa, encantamento, bruxaria, encanto e condão de hipnose do que passa e magia e sacramento de existir pra sempre.

4. Amém.

5. Ou melhor: abracadabra!






OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget