domingo, 4 de janeiro de 2015

(2015/020) A Teologia e eu

Quem imagina, pensa ou conclui que minha "campanha" é para a "destruição" da Teologia está seriissimamente enganado. Estou longe de desejar destruí-la. O que eu desejo profundamente é a sua transformação, superação, a sua atualização. Por mais que ela se disfarce com retoques retóricos e termos modernos e pós-modernos, ela é ainda a mesmíssima coisa que se pensava a si mesma há 500 anos, há mil anos - e é "contra" isso que me embato. Não é contra ela: é contra a sua pavorosa crise de pânico - trancar-se dentro de seu ovo choco e não desejar eclodir para uma nova forma de vida, como fez a Alquimia, quando transformou-se em Química.

Portanto, se passo a ideia errada, mea culpa, mea maxima culpa.










OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget