quinta-feira, 12 de junho de 2014

(2014/605) Futuros professores de Ensino Religioso com formação apenas religiosa - uma desgraça potencial


Dar aulas, mesmo de pós-graduação, para pretensos futuros professores de Ensino Religioso e vê-los, em grande parte, com exceções aqui e ali, contorcerem-se diante da história da religião de Israel... 

Acham que ER é ensinar os mitos como os mitos se aprenderam, apresentar o monoteísmo como uma dádiva ética e lógica, revelar a história de Deus e seu povo...

Só por cima de meu cadáver.

Se sou eu o professor da turma, vamos olhar debaixo da batina do padre...

E olha que vai haver duas ou três crianças ali.

Minha exigência para professor de ER é 10 vezes mais grave do que para pastor. Pastor é boiadeiro de gente grande: deixa-se enrolar quem quer...

Mas nossas crianças, não. São gente indefesa: já chega o que lhes fazem pai e mãe, avó e avô, pastor e padre.

Eu cada vez mais me dou conta de que não estamos preparados para ER.













OSVALDO LUIZ RIBEIRO

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Sobre ombros de gigantes


 

Arquivos de Peroratio

Ocorreu um erro neste gadget